Please use this identifier to cite or link to this item: http://rigeo.cprm.gov.br/jspui/handle/doc/392
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorOrientador Ricardo Erthal Santelli
dc.contributor.authorRODRIGUES, Luzia Cristina Valente
dc.date.accessioned2013-12-10T19:02:16Z
dc.date.available2013-12-10T19:02:16Z
dc.date.issued2008
dc.identifier.citationRODRIGUES, Luzia Cristina Valente. Estudo da disponibilidade química de chumbo e arsênio em sedimentos de corrente e colunas de sedimentos no Vale do Ribeira, SP. , 2008. Tese (Doutorado em Geoquímica ambiental)-Instituto de Química, Universidade Federal Fluminense, Niterói, 2008.
dc.identifier.urihttp://rigeo.cprm.gov.br/jspui/handle/doc/392
dc.description^aTese^bDoutorado em Geoquímica ambiental
dc.description.abstractO trabalho teve como objetivo analisar a disponibilidade química do chumbo e do arsênio em sedimentos de corrente e em colunas de sedimento no Vale do Ribeira,S.P.A área escolhida exibe solos ricos em Pb e As,derivados do intemperismo de rochas metassedimentares e metabásicas,hospedeiras de mineralizações de ouro e sulfetos. Essa região abrigou várias minas de chumbo, zinco e prata,que estiveram em operação durante longos períodos do século passado,e uma refinaria, Plumbum,localizada na zona rural de Adrianópolis,ativa de 1945 a 1995.Foram escolhidas duas áreas de estudo para a realização deste trabalho:a área 1,localizada próxima à fonte de contaminação,onde foram coletados os sedimentos de corrente entre Itaoca e Sete Barras; e a área 2,mais afastada das fontes de contaminação,onde foram coletadas as sete colunas de sedimentos,com profundidade de 30 cm, localizadas entre as cidades de Registro até Iguape. As concentrações totais de óxidos maiores e elementos traços foram determinadas por FRX, onde a SiO2 foi o principal óxido encontrado.Os resultados obtidos por DRX revelaram a presença de quartzo, microclina, montmorilonita, caulinita e menores quantidades muscovita.Foram realizados testes de extração seletiva,utilizando-se de extratores específicos para cada fração estudada. As frações líquidas obtidas das extrações foram analisadas por método espectrométrico baseado em ICP-O S. Os dados de extração seletiva obtidos neste estudo sugerem que a fração mais representativa é a fração 2,relacionada aos óxidos e hidróxidos de ferro e manganês, seguidas da fração 3,que está associada à matéria orgânica. A maioria dos resultados obtidos para a fração 1 foram inferiores aos limites de detecção da técnica utilizada para determinação do Pb e do As. Os dados de extração seletiva obtidos neste estudo sugerem que apenas a determinação das concentrações totais de Pb e As em sedimentos não são suficientes para o gerenciamento de áreas contaminadas. Apesar de trabalhos anteriores terem mostrado que,nas presentes condições, as águas dos rios locais não estão contaminadas,recomenda-se que nessas áreas de solos e sedimentos ricos em As e Pb sejam realizados mais estudos para determinar o potencial tóxico desses elementos disponíveis para a biota
dc.language1
dc.subjectHIDROLOGIA
dc.subjectGEOQUÍMICA
dc.subjectSEDIMENTOS
dc.subjectCHUMBO
dc.subjectARSÊNIO
dc.subjectBRASIL
dc.subjectSÃO PAULO
dc.titleEstudo da disponibilidade química de chumbo e arsênio em sedimentos de corrente e colunas de sedimentos no Vale do Ribeira, SP
Appears in Collections:Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_luzia_rodrigues.pdfproducao cientifica6 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.